Encontro em Brasília estimula surgimento de startups

Boas ideias chegam longe com a dose certa de empreendedorismo. Para incentivar os brasilienses a ingressarem no mercado de startups – grupos de pessoas que trabalham com um projeto original que tenha potencial de se tornar um grande negócio – Brasília será sede do Workshop Startup Weekend, entre os dias 3 e 5 de fevereiro. O evento, que conta com apoio do Sebrae no Distrito Federal e parceiros, será realizado no Centro de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico da Universidade de Brasília (UnB), sede da incubadora de empresas da universidade. Os cem ingressos colocados à disposição dos empreendedores já se esgotaram.

Mais de 600 empresas já foram criadas a partir de ideias sugeridas em eventos semelhantes realizados em 25 países. Será um fim de semana de muito trabalho, durante as 54 horas de realização do workshop. Nesse período, os participantes terão oportunidade de construir um modelo de startup em diferentes aplicações – sejam elas web ou mobile – e de avaliar a viabilidade desses negócios com os consultores presentes.

De acordo com o organizador do evento, Roberto Mascarenhas Braga, o objetivo é que os participantes encontrem parceiros para executar novos projetos em conjunto. “No primeiro dia, cada participante apresentará uma ideia em apenas um minuto. O público votará nas melhores, que serão executadas durante o evento”, conta.

Os grupos receberão ajuda personalizada de mentores e irão apresentar o resultado final no último dia para uma banca composta de empreendedores e investidores. O melhor projeto será premiado com bolsas de estudo do Empretec, seminário desenvolvido pela ONU e aplicado pelo Sebrae que identifica, estimula e desenvolve o comportamento empreendedor.

Rafael Lobo, de 25 anos, já garantiu sua vaga. Há um ano e meio ele desenvolve uma startup conceito. O projeto recebeu o nome de Indique-me. “É uma plataforma de relacionamento entre restaurantes e clientes, com base na indicação”, explica. Ele acredita que uma boa ideia, sem empreendedorismo e planejamento, será apenas uma boa ideia. Foi pensando nisso que participou do Empretec. “Aprendi que o empreendedorismo está focado em unir pessoas por um propósito e por meio dessa ideia compartilhada, torná-la maior ainda”, recomenda.

Fonte: Sebrae